Materiais que ficam expostos às intempéries, como chuva, altas temperaturas e maresia, requerem tratamento e manutenção adequados para maior durabilidade.

Solventex na conservação de portões e esquadrias

O ideal é aderir a algumas técnicas de preparação das superfícies, com aplicação de produtos que possam ampliar a vida útil desses materiais e diminuir a frequência dos reparos.

Primeiramente, é preciso identificar o tipo de material que compõe os portões e as esquadrias do imóvel, pois cada superfície requer um tratamento diferente. As estruturas de aço galvanizado, por exemplo, sofrem menos com a corrosão e, muitas vezes, a ferrugem é apenas superficial. “A manutenção consiste em retirar a tinta que esteja solta, descascando e, se necessário, fazer a aplicação de solvente, utilizando palha de aço para auxiliar na remoção. Feito isso, basta aplicar o primer e, assim que secar, passar a tinta de acabamento. Esse processo é bem simples”, explica José Alves Cintrão Neto, consultor técnico da Solventex.

Em estruturas de aço carbono, mais sensíveis à corrosão, a técnica é um pouco diferente, mas não apresenta grandes segredos. “Nesse caso, basta lixar a peça, principalmente na área da ferrugem, aplicar um primer, aguardar o intervalo de secagem recomendado e aplicar a tinta de acabamento. Lembrando que devemos sempre respeitar o intervalo entre as etapas. Caso a aplicação da tinta de acabamento ultrapasse o tempo de repintura indicado pelo fabricante, o processo de lixamento da peça e aplicação de primer deverá ser repetido”, comenta o especialista.

Entretanto, se a superfície apresentar uma degradação maior da pintura, é necessária a utilização de removedor específico à base de soda cáustica, o que requer uso de EPIs (Equipamento de Proteção Individual) e muito cuidado na aplicação. Neste caso, o ideal é contar com ajuda de um profissional.

Em esquadrias e portões de alumínio, a manutenção é feita basicamente em três etapas: lixamento, limpeza e pintura. “Em estruturas que já foram pintadas, não existe a necessidade de aplicação do primer, basta usar uma lixa d’água fina, para promover porosidade na superfície e garantir maior aderência da nova tinta, depois limpar e aplicar o acabamento. O alumínio é um material bastante resistente e, tomando os cuidados básicos, pode durar muitos anos”, esclarece Cintrão.

Válido para todos os materiais, o grande segredo para uma boa conservação é o tratamento da superfície. Além da limpeza adequada, a indicação é aplicar duas demãos de primer, para maior proteção. Mesmo que a ferrugem já esteja instalada, é possível utilizar convertedores, que interrompem o avanço da oxidação e agregam durabilidade e resistência ao material, além de permitir maior aderência ao acabamento e proteção contra novas corrosões.

Para portões e esquadrias, a Solventex conta com uma linha completa de produtos, adequados para a pintura e manutenção preventiva de estruturas metálicas, a fim de aumentar sua durabilidade e reduzir os custos com reparos. As opções incluem primers, esmaltes sintéticos e convertedores, com propriedades anticorrosivas e grande resistência às intempéries, proporcionando excelente acabamento e durabilidade.

Entre os destaques da marca estão as linhas: Galvanitex, primer para galvanizado e alumínio; Esmaltex, de esmaltes sintéticos; e as Tintas Convertedoras de Ferrugem, que contam com primer e esmalte.

Serviço
Solventex Tintas
tel.: 0800 55 9088
solventex.com.br